02 de Abril – Dia Mundial de Conscientização do Autismo

O Dia Mundial da Conscientização do Autismo foi criado pela Organização das Nações Unidas (ONU), em 18 de dezembro de 2007, com o objetivo de alertar o mundo sobre o transtorno, derrubar preconceitos e esclarecer a todos.

O que é o Autismo?

O Autismo, também conhecido como Transtorno do Espectro Autista (TEA), é uma situação que causa problema no desenvolvimento da linguagem, no processo de comunicação, na interação e no comportamento social do indivíduo. Atualmente, estima-se que 70 milhões de pessoas no mundo todo possuem algum tipo de Autismo, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS).

O Autismo não tem cura e suas causas ainda são incertas, porém ele pode ser trabalhado, reabilitado, modificado e tratado para que o paciente possa se adequar ao convívio social da melhor forma possível.

Quais os sintomas do Autismo?

O Espectro Autista é caracterizado pela dificuldade da pessoa em se comunicar e interagir socialmente, além disso, também é marcado pela tendência de praticar alguns comportamentos repetidamente.

Crianças com autismo tem dificuldades em participar de brincadeiras em grupo, interpretar gestos e expressões faciais das outras pessoas. Também demoram a se comunicar e quando são bebês não costumam balbuciar. Comportamentos repetitivos também são observados, como: mãos batendo, balançar o corpo, reorganização de objetos e repetição de sons e palavras. Além disso, quando alguma situação sai do controle deles, eles tendem a demonstrar um comportamento agressivo.

Como agir?

Se você conhece alguém que possui Autismo, eles precisam, como todos nós e acima de tudo, carinho, paciência e compreensão. O que pode ser feito?

  • Procure uma equipe de profissionais de confiança – na nossa região, temos a APAE que faz um trabalho maravilhoso e muito dedicado.
  • Procure outras famílias que também tem membros com Autismo para troca de experiências.
  • Procure e pesquise mais sobre o transtorno.
  • Demonstre carinho, se a pessoa não gosta de contato, sorria e use palavras positivas.
  • Brinque – pessoas com autismo precisam ter suas habilidades estimuladas e as brincadeiras são ótimas ferramentas no processo.
  • Estimule o contato – apesar de parecer que pessoas com Autismo não querem se relacionar com outras pessoas, a verdade é que elas não conseguem fazer isso. Nessas situações, ajude-as a criar laços de interação social, respeitando o espaço delas.
  • Imponha limites – como os Autistas possuem dificuldade em expressar seus próprios sentimentos e emoções, para eles acaba sendo complicado em aceitar mudanças impostas e podem reagir com violência, por se sentirem frustrados e contrariados. Como todo mundo, eles precisam ter limites, que precisam ser trabalhados desde cedo. Preste atenção a esses comportamentos caso mostrem algum tipo de padrão, como horários e as pessoas que estavam no momento, caso exista algum, procure ajuda médica.

Respeito, amor, carinho e paciência são os alicerces básicos para criar um bom ambiente e garantir uma vida digna para a pessoa com Autismo.

 

Assessoria de Comunicação Câmara Municipal Venda Nova do Imigrante

Data de Publicação: terça-feira, 02 de abril de 2019

ACOMPANHE A CÂMARA

Endereço:
Av. Evandi Américo Comarella, nº 385 - 4º andar
Venda Nova do Imigrante – ES - CEP: 29375-000


Telefone:
(28)3546-0074
E-mail:
camaravni@camaravni.es.gov.br

Horário de Funcionamento:
Segunda a sexta-feira, das 12:00h às 18:00h

Dia e Horário das Sessões Plenárias:
Todas as terças-feiras 19:00h